segunda-feira, 18 de junho de 2012

Dia do Orgulho Autista

Hoje eu vi essa imagem no grupo Autismo do facebook que é escrito pela psicologa do Eric.

Fiquei pensando: como assim orgulho autista?

Mesmo assim eu acho importante sim as pessoas conhecerem e saberem do que é autismo e como funciona para não acontecer casos como o do Lucas que só recebeu diagnostico aos 3 anos e mesmo com todas os sintomas, aos 2 anos e meio a mãe dele não imaginava porque ele agia "estranho".

Desconfiei do autismo do Eric porque eu aprendi algumas coisas na faculdade. Outra boa porcentagem foi "inspiração".

Hoje eu estava pensando como meu bebe Eric está crescido. Eu me assusto. Tão lindo, tão lindo.

E eu me orgulho de muitas coisas que ele faz e que ele conquistou. Fico admirada como ele tem aprendido a ser independente ao jeito dele, de se fazer ouvir ("ouvir" entre aspas), entender, mostrar o que quer.

Eu adoro ver como ele é um super irmão e mesmo qdo ele tem ataque de ciúmes, empurrando as pessoas que chegam perto da Bibi, eu acho o máximo. Não pela brabeza, mas por mostrar o amor que tem pela irmã.

Eu adoro ver ele provocando a Bianca para ela rir. Tentando abraçar e ficar com ela.

Claro que eu tenho que estar atenta para ver seu crescimento. Eu preciso "enxergar" o Eric (agora lembrei do filme Avatar "eu vejo você")

Ontem aconteceu algo que pode parecer básico mas pra mim foi o máximo. O Eric ganhou vários brinquedos da Regina, entre eles um Buzz. Ele não desgruda desse Buzz (e olha que nao é o filme preferido dele) . O que me chamou a atenção, é que autistas não tem "criatividade", não brincam de "faz de conta", mas em meio a tantos brinquedos ele encontrou o E.T. do filme (os de 3 olhos) e colocou á do lado do Buzz e ficou brincando, em silencio, mas mexendo, arrumando, colocando lado a lado. Fiquei com a esperança de que ele estivesse "fazendo de conta". E achei o máximo.

Hoje na janta tivemos um "momento". Eu sei que crianças de 3 anos fazem birra e não é especialidade do Eric. A diferença é que ele não "fala" o que quer, mas foi assim:
O Eric dormiu de tarde, como ele nao tem aula amanha eu deixei. Ele acordou azedo.
Convidei ele para vir para a cozinha "papá", ele veio, passou direto pelo prato de sopa. Coloquei ele no cadeirote, ele saiu. Deu de cara com o bolo de chocolate e atacou.
Guardei o bolo.
PRA QUE! Eric começa a chorar desesperado, vem correndo para mim, grita e fala NÃO, NÃO.
Comecei com toda a calma do mundo (adquirida, não natural ) a falar.
- Filho, eu sei que você está brabo, mas você tem que comer a sopa primeiro. Olha, tem batata, tem macarrão.
O choro continua.
- Eric. Depois que você comer a sopa é que você pode comer o bolo.
Choro ainda.
Sai de perto e fui lavar a louça.
Ele abriu o computador que estava na mesa (sim, tava tudo na mesa) deu um grito. Eu vim, abri, coloquei no filme, peguei o prato dele, re-esquentei, devolvi e ele calmamente devorou. Depois ganhou o bolo.

Fiquei com a sensação de: ele entendeu, mas a melhor sensação ainda é "eu o entendi"

Esse é o meu orgulho.

---

Não esqueçam de conhecer e Seguir a Came no Luz, camera, fogão.

7 comentários:

Roberta Pavanelo disse...

Pri, achei o maximo, pelo seguinte. Vc teve paciencia, teve ternura ao falar com ele, foi firme, nao cedeu a birra, entendeu o que ele queria, e VC conseguiu faze-lo obedecer, para o bem dele. FOI perfeito e uma vitoria sim. E nao é pq ele é autista, porque todas nós mães, passamos pelas mesmas situacoes e precisamos agir dessa maneira! TUDO DE BOM! tô pondo videos da quadrilha para vc! hehe

Dadi disse...

Legal Pri, agente vai aprendendo... até hoje estou aprendendo a cada dia, principalmente adquirir esta calma ao falar com meninos birrentos, e quando agente consegue é realmente uma vitória!!!

Adriana Bukowski Rebicki disse...

eu vou ter que repetir aqui que vc é uma super e incrível mãe!!!???


te amo
bjs

Ingrid disse...

Que Benção pro Eric ter uma mãe tão especial como voce, Pri.
Tenha orgulho mesmo!
Amo voce!

Mariela disse...

Achei muito legal, pri!

Beijo.

Mirna disse...

É isso aí Priscila...parabens... orgulho da Titia....rs
Bjs

Thais Martins Fernandes disse...

Priii
Nao conheco o Eric ainda mas ja sou apaixonada por ele! Soh de ler a historias que vc conta que eu acho o máximo! mesmo vc sempre dizendo que eh algo simples... mas eu me divirto!

E tenho que dizer q vc esta oficialmente como meu idolo! Nao sou forte com o Alvin, nao ia conseguir ser forte com o Eric, mas vc eh, e ainda consegue fazer ele entender... parabens!
bjss