sábado, 10 de janeiro de 2015

Finalmente, finalmente férias.

Desde que chegamos em Curitiba, muitos me perguntam o que vou fazer aqui, no que o Capis vai trabalhar. Minha resposta em geral era: depois do dia 10 eu vou ver.

Sim, depois de 7 anos de casados essa foi a primeira vez que eu e o Capis pudemos ter férias juntos. Janeiro eu sempre de férias e ele sempre trabalhando muito e correndo atras do $$$.

Esse ano juntamos um dinheirinho e alugamos uma casa da praia com meus pais por uma semana. Levamos muita sorte, foi uma semana maravilhosa, pudemos curtir a praia todos os dias...

Agora a vida aqui vai começar pra valer, vamos começar a correr atras de tudo que precisamos e queremos. 

A Bianca na praia foi uma graça. Ela gosta muito de água e é capaz de ficar na piscininha dela o dia todo se eu deixar, mas quando chegamos na praia ela começou a chorar e dizer "medo medo" Ficou assim os dois primeiros dias, só na areia. Quando eu mostrava o maiô ela chorava e não queria vestir por nada.







essa boia foi a sensação da praia.
 Já o Eric foi peixinho total. Levava cada caldo, mas não estava nem aí, levantava pra um novo caldo na maior alegria



Finalmente férias para o Capis



Tatuíra. Catamos na praia a noitinha. A Dadi fritou. É bom, parece camarão, mas como eu sou alergica a frutos do mar 2 desses me fizeram vomitar o mundo.
 No último dia combinamos de acordar de madrugada para aproveitar mais a praia. Mas o Capis amarelou. Como estavamos uma quadra da praia eu corri lá sozinha ver o espetáculo do nascer do sol.





 A Dadi estava na sogra dela que mora em matinhos e volta e meia a aparecia. Quando eu voltei do nascer do sol o Capis levantou e fomos a prainha. Chegamos lá as 7h30. Não tinha ninguém. Logo a Dadi chegou e mais tarde meus pais. A prainha é a ultima praia antes do Ferry Boat para Guaratuba e pouca gente conhece. O mar é uma piscina. Perfeito para crianças.

Nós e nossa praia particular, só pra nós. Os pontinhos pretos são as cria da Dadi , Capis e Eric.


sussego

 Nos últimos dias a Bibi perdeu o medo do mar. O que justifica eu estar usando camiseta nas fotos do ultimo dia. Na quarta a mãe deu a ideia da gente fazer um buraco na areia mas pertinho do mar. A bibi com relutancia foi, mas no fim amor. A maré foi enchendo e as ondas chegando perto e ela começou a curtir. Aí eu levei um guarda-sol pra ficar alí com ela. Já era perto do meio-dia, mas como ela estava finalmente curtindo eu nao queria ir embora. Fiquei sentada com ela na beira da praia com o guarda-sol e foi aí que eu me ferrei. Não vi o sol batendo nas minhas costas e o resultado vcs devem imaginar. Tô até agora sem mal conseguir colocar o sutiã. Meu nome é Tonga!
 Meu único consolo é que depois disso a Bibi passou os outros dias curtindo muito o mar.
A prainha de novo. Paraíso nosso.


Meus veínhos e meus sobrinhos

Quem é tonga não consegur mais colocar maiô, mas não é por isso que perde a praia.



E foi assim....e que venham outras praias e outros anos.

4 comentários:

Ingrid disse...

Post tao gostosoooo!
Fotos maravilhosas...
Crianças fofas e felizes...
Me rachei com o Meu nome é Tonga...
Que saudades dessas praias que fizeram parte da minha vida!
Que saudades de você, Tonga!
Férias mais que merecidas!

Patricia Noel disse...

Amei suas fotos!! É tão gostoso ver nossos filhos brincando no mar ne? Os meus adoraram a praia. E eu AMEI as fotos do nascer do sol. Isso era uma das coisas que eu mais amava fazer na praia. Boa sorte com essa nova fase da vida de vcs!! Que o Pai Celestial continue abençoando vocês!
bjss

Raquel Pimentel disse...

Que delíciaaaa Pri, nada como umas boas férias, dessas para curtir mesmo. Inveja desse sol e calor!!! kkkk

E nada como uma boa mudança para dar um novo ânimo na vida!!!! Espero que esse ao seja millll pra vcs!!!

Liane Baum disse...

É isso que faz a vida valer a pena.abraço.